quarta-feira, 27 outubro 2021
Fale Conosco | (24)3343-5229

Internacional

Nos EUA, pai processa escola por filha ter cabelos cortados

Caso aconteceu em março, mas só agora foi revelado

17/09/2021 11:38:24

O pai de uma menina de 7 anos está processando a escola onde ela estudava, em Michigan, nos Estados Unidos, após a criança ter os cabelos cortados sem autorização. O fato ocorreu em março deste ano, mas só veio à tona na quinta-feira (16), através da imprensa local, quando o pai entrou com a ação em um tribunal federal. O pai pede US$ 1 milhão de indenização.

De acordo um site, Jimmy Hoffmeyer relatou que em março a filha teve os cachos cortados pela bibliotecária e pela assistente da professora. Jimmy, um homem negro, afirma que os direitos constitucionais da menina foram violados e que a filha foi vítima de discriminação racial, intimidação étnica, além de inflição intencional de sofrimento emocional e agressão.

Segundo os pais, a menina chegou em casa com apenas um lado do cabelo cortado. A criança disse que uma colega de classe havia cortado seu cabelo. Descontente com a situação, a mãe levou a menina a um salão de cabeleireiro para ajustar o corte.

No entanto, dois dias depois, ela voltou para casa chorando após uma bibliotecária cortar seu cabelo novamente. De acordo com a criança, a professora teria alegado que era para deixar o cabelo dela “mais uniforme”.

Após o ocorrido, os pais decidiram tirar a filha do colégio. (Foto: Reprodução do Instagram do pai da menina)

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

18:43 Polícia